Posted on

LECTIO DIVINA – Mestre da sua Espada | O Céu e o Inferno | O Preço da Beleza

 

 
 
 
 
Cavaco Silva
 
 
Período entre janeiro e abril foi o mais quente da história, diz agência (Reprodução/NOAA)
 
Mestre da sua espada
 
 

Uma espada pode durar pouco. Mas o guerreiro precisa durar muito.

Por isso não se deixa enganar por a sua própria capacidade e evita ser apanhado de surpresa. Ele dá a cada coisa o valor que ela merece ter.

Muitas vezes, diante de assuntos graves, o Demónio sopra no seu ouvido: “não se preocupe com isto, porque não é sério”.

Outras vezes, diante de coisas banais, o Demónio diz-lhe: “você precisa dedicar toda a sua energia para resolver esta situação”.

O guerreiro não escuta o que o Demónio está a dizer. Ele é o mestre da sua espada.

 

O preço da beleza

 

Um artesão está na feira a vender vasos. Uma mulher aproxima-se, e olha a mercadoria. Algumas peças estão sem qualquer desenho, outras foram decoradas com todo o cuidado.

A mulher pergunta o preço dos vasos. Para sua surpresa, descobre que todos custam a mesma coisa.

“Como o vaso decorado pode custar o mesmo que um simples?”, pergunta. “Porque devemos cobrar igual por um trabalho que demorou mais tempo para ser     feito?”

“Sou um artista”, responde o vendedor. “Posso cobrar pelo vaso que fiz, mas não posso cobrar pela beleza. A beleza é grátis”.

 

O céu e o inferno

 

Um samurai violento, com fama de provocar briga sem motivo, chegou às portas do mosteiro zen e pediu para falar com o mestre.

Sem titubear, Ryokan foi ao seu encontro.

“Dizem que a inteligência é mais poderosa que a força”, comentou o  Samurai.

“Será que o Mestre consegue explicar-me o que é o céu e o que o inferno?”

Riokan ficou calado.

“Viu?”, bradou o Samurai. “Eu conseguiria explicar isto com muita facilidade. Para mostrar o que é o inferno, basta dar uma surra em alguém. Para mostrar o que é o Céu, basta deixar uma pessoa fugir, depois de ameaçá-la muito”.

“Não discuto com gente estúpida como você”, comentou o mestre zen.

O sangue do Samurai subiu a cabeça. A sua mente ficou turva de ódio.

“Isto é o inferno”, disse Ryokan, a sorrir. “Deixar-se provocar por tolices”.

O guerreiro ficou desconcertado com a coragem do monge, e relaxou.

“Isto é o céu”, terminou Ryokan, convidando-o para entrar. “Não aceitar provocações tolas”.

Anúncios

About EL HINCHA Mag Cal Cauvin Calvinista Inclusivo

Protestante por consciência calvinista e zuingliana, um teísta remanescente (cristão integrado na Oholyáo de YÁOHU UL) antinominiano ecuménico e inclusivo (agostiniano, espiritualidade carmelita dos descalços, espiritualidade montfortina, espiritualidade dos presbiteranos liberais da PCUSA: http://www.pcusa.org/, cristianismo redivivo; atento às notícias da ciência hodierna, sempre numa perspectiva inclusiva de todos os Yaoshorulitas e demais seres relacionais) por a absoluta graça do Soberano YÁOHU UL da História e da legenda. Protestante reformado (Baptista particular), cheunguiano (Vincent Cheung, vide: http://robertovargas-make.blogspot.com/2010/08/da-interpretacao-de-textos.html), pós-milenista bíblico, preterista parcial, reconstrucionista(herancareformada.blogspot.com/ 2010/02/o-teonomismo-implicacoes-teologicas.html), teonomista (dominionista), pressuposicionalista, supralapsariano (http://www.monergismo.com/textos/predestinacao/infra_supra_phil.htm), tudo em desenvolvimento; reformar sempre a reformar. Sempre a reformar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s